Breakfast at Tiffanys


O Mundo sem ninguém – oba!
agosto 17, 2010, 5:04 pm
Filed under: Sem-categoria

“O domínio do homem sobre a natureza sempre foi uma ilusão”. Este é o espírito e a moral da história do sensacional documentário do History Channel que deleita meu imensurável desprezo pela espécie humana. O Mundo sem Ninguém faz uma avaliação científica sobre as consequências da extinção da humanidade (aeeeeeeee, demorô) ao longo dos anos.

Entre a deliciosa sensação de imaginar o planeta livre de seu predador, calcada por teorias de especialistas de diversas áreas, todos unânimes na constatação de que não somos mais do que uma bosta de ameba dentro da imensidão do universo e que nossa existência não passa de alguns míseros instantes totalmente esquecíveis dentro do tempo, há frases verdadeiramente geniais: “O homem foi um acidente biológico na evolução”, decreta um biologo.  Gol! que chute no estômago da arrogância dos antropocentristas e especistas.

É isto aí, o planeta continuaria existindo, as demais espécies se adaptariam, os oceanos se recuperariam com mais vida do que nunca.  As construções desmoronariam, documentos e provas do legado humano seriam destruídos – realmente, têm coisas que é melhor esquecer. Talvez, a Muralha da China, o Coliseu e as inscrições egípcias teriam alguma chance. Da história moderna e contemporânea, adivinha? nada! Nem seus carros esnobes, seus Ipods e afins, tudo o que tanto se preza hoje, jáelvis!

A natureza dominaria os espaços, os rios recuperariam seus caminhos originais e em cerca de 10 mil anos não haveria praticamente nenhum vestígio da nossa desastrosa civilização e sua imensa capacidade de destruição.

Já vamos tarde!!!

Anúncios

5 Comentários so far
Deixe um comentário

Oi Ká , Passei aqui para falar contigo. Eis que encontro post novo. Volto para ler com calma e o capricho que as tuas letras merecem. Minhas lembranças andam deveras fugitivas e resolvi alforria-las sem julgamentos ou receios. Tem sido libertador. Há uma saudade implicita e ela é grande. Mas não há tristeza, embora os textos muitas vezes assim o pareçam. Acho que é o contato muito próximo com tudo aquilo que sempre evitei por medo do sofrimento (o que cá entre nós, não adiantou, com o perdão da palavra, porra nenhuma….), enfim… Liberdade a tudo o que esteve trancado aqui por anos, que vivam e vejam a luz do sol (quando o inverno acabar….) Num guento mais, sinto que vou congelar… Não se assuste não querida…. louca matuta tem dessas… rs Beijocas Lu

Comentário por Luciana

Colheríamos o que plantamos…

Beijocas na KA.

Comentário por Selma Barcellos

Nem tive tempo de reler o texto e avaliar se concordo com tudo que vc disse.
Tive tempo de ver a qualidade do texto. Perfeito!

Comentário por picida ribeiro

Oi, Ka!
Vi esse documentário, que volta e meia passa e repassa no History Channel.
Algo que me chamou a atenção foi o fato de que, sem a presença humana, os primeiros seres a morrerem seriam os animais domésticos.
Acredito que Deus (ou alguma força superior, sei lá…), nos dotou de raciocínio para que pudéssemos zelar por nossos irmãozinhos mais indefesos e pelo lar de todos nós.
Para muitos a ”ficha” ainda não caiu.
Mas eu ainda tenho fé na humanidade…hehehe
Beijo!

Comentário por lucy in the sky

Engraçado que a primeira coisa que pensei ao ler o seu post foi: e o que aconteceria com nossos amigos de quatro patas???
No final do vídeo, eles respondem e confesso que foi a única coisa que me incomodou. Tadinhos… =(
Beijos

Comentário por Mari




Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s



%d blogueiros gostam disto: